sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Cálculos na vesícula

Olá amigos,

Ontem fui ao meu cirurgião para consulta de 6 meses pós bariátrica e ele confirmou
a necessidade da retirada da minha vesícula devido os micro cálculos que descobri
no exame de ultrassonografia.
Por isto, é tão importante o acompanhamento pós cirúrgico. A gastroplastia requer
certos cuidados antes, durante e após a cirurgia. Quem estar pensando em fazer a
gastroplastia deve estar ciente que não é só operar; terá que ser acompanhado por
uma equipe médica multidisciplinar e realizar exames para acompanhamento da evolução
da redução do estômago.
Devido ao emagrecimento rápido, alguns gastroplastizados desenvolvem os cálculos na
vesícula e precisam retira-la para evitar complicações.
Como sempre digo amigos, com Jesus a gente enfrenta tudo.
Não estou ansiosa nem com medo. Estou certa que será mais uma etapa que vencerei
para glória do Senhor!
Além da retirada vesícula meu cirurgião puxou minha orelha por eu não estar malhando.
Mas, estou comprometida a começar na próxima segunda na academia perto da minha
casa porque vou andando e não terei a desculpa da falta de tempo... kkkk
Vou evitar frituras e gorduras mais ainda até a cirurgia porque não sinto dores e não quero
sentir e a vesícula pode entrar em crise quando comemos gorduras e frituras.
Então, pra longe de mim!!! kkk
Vou marcar cardiologista para pegar o parecer e fazer os exames de sangue que ele me solicitou
e retorno pra ele marcar a cirurgia. Quero fazer logo e ficar livre de ter alguma crise que dizem
ser horríveis e muito doloridas.
Vamos em frente, sempre com Jesus!

Segue abaixo, como se formam os cálculos na vesícula e suas implicações.

Cálculo(Pedra) na Vesícula
A vesícula biliar é um órgão localizado no abdômen, em baixo do fígado, ao lado do estômago. A função da vesícula biliar é armazenar a bile, que é produzida no fígado, e ajuda na digestão dos alimentos.
O cálculo na vesícula, colelitíase ou pedra na vesícula é encontrado em cerca de 10% das pessoas.
Gastrobeso
Localização da vesícula logo abaixo do fígado.
FORMAÇÃO DA PEDRA NA VESÍCULA
A bile é produzida no fígado e eliminada no intestino. A bile ajuda na digestão de alimentos gordurosos. Ela contém várias substâncias, como colesterol e pigmentos. Quando algumas dessas substâncias aumentam em quantidade na bile, elas podem se depositar na vesícula. Com o passar dos meses e anos, estes depósitos se unem e formam pedras (cálculos).

SINTOMAS

• Dor abdominal no lado direito da barriga ou na boca do estômago, geralmente tipo cólica.
• Náusea (enjôo) e vômitos
• Desconforto abdominal
• Amarelão (icterícia)
• A maioria das pessoas não tem sintomas, e o achado de pedra na vesícula é incidental.

COMPLICAÇÕES PEDRA NA VESÍCULA

Além da dor, o cálculo pode ocasionar a inflamação da vesícula, que é uma situação que requer tratamento de urgência. A inflamação é geralmente causada pelas pedras grandes, que obstruem a saída da vesícula. Outra complicação é a pancreatite aguda que pode ser leve ou grave, e frequentemente é causada pelas pedras pequenas.
Gastrobeso
DIAGNÓSTICO
O melhor exame é a ultra-sonografia ou ecografia.

TRATAMENTO
A única forma de tratamento é a retirada da vesícula (colecistectomia). Outros tratamentos, como litotripsia (quebrar a pedra), medicamentos para dissolver a pedra e a retirada das pedras não funcionam, e não devem ser usados, pois só atrasam o tratamento correto.

CIRURGIA DA VESÍCULA
A cirurgia da vesícula é feita por videolaparoscopia (cirurgia dos furinhos), sem a necessidade de se realizar um corte. Na cirurgia é retirada a vesícula com as pedras.
Image
Locais das incisões.
Gastrobeso
Fígado e a Vesícula após a retirada.

VANTAGENS DA RETIRADA DA VESÍCULA POR VIDEOLAPAROSCOPIA
• Recuperação rápida: internamento de 1 dia, retorno ao trabalho e suas atividades em torno de 1 semana
• Resolução completa e definitiva da doença
• Pouca dor pós operatória
• Cicatriz cirúrgica mínima

ALIMENTAÇÃO APÓS A RETIRADA DA VESÍCULA
Não é necessário modificar a dieta após a operação, porque a vesícula tem uma função muito pouco importante no organismo, que é a de armazenar bile. A produção da bile pelo fígado continua normal após a retirada da vesícula. Não existe nenhuma sequela ou consequência para o organismo após a retirada da vesícula.



3 comentários:

  1. Olá....com qto tempo de operada vc operou da vesícula? estou com 4 meses e terei que fazer tb....o médico usa os mesmos furinhos///

    ResponderExcluir
  2. Olá....com qto tempo de operada vc fez a retirada da vesícula? foram usados os mesmos furinhos\///

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiz 7 meses após a gastroplastia. Fiz por vídeo mas os furinhos são outros devido a região da vesícula, mas fique tranquilo são apenas 4 com o do umbigo. É uma cirurgia tranquila. Deus estará à frente dos médicos.

      Excluir

Sua visita e comentário me alegraram muito.